Faltam 15 dias para as inscrições nas Colônias de Férias

Por
Atualizado em: 14 de julho de 2017

O planejamento das férias de verão começa agora. Quem tem o costume de deixar para depois, corre o risco de perder o melhor da estação do calor. Daqui a duas semanas, no dia 1º de agosto, a AVM começa a receber as inscrições para a temporada 2017/2018 das Colônias de Férias. As inscrições são para todos os períodos e vão até o dia 31 de agosto.

Os associados podem garantir a sua inscrição por meio do formulário que será divulgado no site da AVM; pessoalmente na sede da Associação ou falando diretamente com o seu representante, e ainda ligando para o Departamento de Colônias de Férias nos números (41) 3075-8239, (41) 3075-8241 e (41) 3075-8264, ou pelo whatsapp (41) 99208-1144 e (41)99281-9607.

Localizadas em Guaratuba, Shangri-lá, Ilha do Mel e Porto Rico, as cinco Colônias fizeram grande sucesso durante a temporada de verão 2016/2017, quando mais de 20 mil pessoas foram atendidas pela equipe de recreadores.

Para preparar as colônias para a temporada 2017/2018, as obras já estão a pleno vapor. Na Colônia de Subtenentes e Sargentos está em fase final a ampliação do deck da piscina, com a intenção de melhorar o aproveitamento da área em dias chuvosos. Na Colônia de Cabos e Soldados 2, todo o pátio foi pavimentado para melhorar a circulação e a guarda dos veículos dos associados.

“Nossa missão é garantir a manutenção de todo o patrimônio da AVM e fazer com que os associados sejam atendidos com conforto e segurança. Nosso lema não pode ser esquecido: em seu lema: inovação com qualidade, coragem e responsabilidade”, afirma o presidente da AVM, Coronel Washington Alves da Rosa.

No último ano as Colônias de Férias da AVM receberam diversos investimentos. Foram realizadas reformas nas piscinas e apartamentos, revitalização de espaços, obras para garantir acessibilidade, e aquisição de eletrodomésticos, móveis e utensílios para os apartamentos. A diretoria segue cumprindo com seu objetivo de a cada dia melhorar a qualidade de vida dos policiais e bombeiros militares, atuando sempre com base.